Como evitar varizes sem abrir mão do salto no dia a dia

Você é daquelas que não dispensa um bom salto? Seja baixinho e discreto ou do tipo alto e fino, ele faz a cabeça da maioria das mulheres e ainda ajuda na postura, deixa mais elegante e sexy, além de ter se tornado um ícone do guarda-roupa feminino.

Porém, as admiradoras do salto alto devem ficar alertas para os problemas que ele pode ocasionar. Por exemplo, como evitar varizes sem abrir mão desse modelo de sapato? O que talvez você não saiba é que usá-lo no tamanho certo também possibilita evitar as indesejáveis linhas esverdeadas nas pernas.

O que são varizes?

As veias do nosso corpo levam sangue ao coração fluindo com a ajuda de válvulas. Quando, por algum motivo, essas válvulas não funcionam corretamente, o sangue acaba ficando parado nas veias, que incham, formando as varizes. Elas normalmente não causam nenhum problema médico muito sério, porém, em estágio muito avançado e se não forem tratadas corretamente, podem causar dores, problemas de pele, coágulos sanguíneos, dentre outras complicações.

Fatores que favorecem o aparecimento de varizes:

Além do fator genético, mulheres acima dos 30 anos de idade, gestantes, pessoas obesas, sedentárias e fumantes também estão mais propensas ao surgimento de varizes. O uso de salto muito alto e fino diariamente e por um período muito longo também pode causá-las, pois dificulta o bombeamento de sangue para as pernas e pés.

Como evitar varizes x salto alto

O uso de salto alto só favorece o aparecimento de varizes nas situações citadas acima. Na verdade, pesquisas apontam que o uso de sapatos com salto de até quatro centímetros de altura ajuda a melhorar a circulação de sangue nos membros inferiores do corpo, prevenindo o aprecimento dos vasos.

Prevenção

Para você, que é adepta do uso frequente de salto alto ou se enquadra em algum dos fatores de risco, a prevenção das varizes é a mesma. Veja a seguir:

Não fique em pé ou sentada na mesma posição por muito tempo. Se isso for inevitável, procure se levantar no mínimo de hora em hora para se alongar.

Evite o uso de calças excessivamente apertadas. Botas de cano longo que apertam a panturrilha também devem ser evitadas.

Controle seu peso

Não tome banhos muito quentes. Na verdade, uma ducha fria nas pernas no final do banho também ajuda na prevenção.

Pratique atividades aeróbicas como caminhadas, natação, hidroginástica, bicicleta ergométrica, etc.

O uso das meias de compressão ajuda a melhorar a circulação de sangue nas pernas. Porém seu uso deve ser feito com cautela e somente com orientação médica.

Tratamento

Se os conselhos de como evitar varizes não foram suficientes e elas acabaram aparecendo, não desanime! Existem vários tipos de tratamento contra essas famigeradas veias que podem solucionar o seu problema. Veja agora os mais usados pelos médicos brasileiros:

Escleroterapia química – método muito conhecido como “aplicação”, indicado para pequenos vasos. Consiste na aplicação de uma substância química na veia doente por meio de uma agulha muito fina. O líquido faz com que o vasinho desapareça.

Crioescleroterapia – procedimento semelhante à escleroterapia, mas que se diferencia pela temperatura da substância injetada, que é de 40 graus negativos. O frio intenso destrói as paredes do vaso, que desaparece sob a pele.

Laser – O laser atravessa a pele sem lesioná-la e atinge a hemoglobina dos vasos que é vermelha. A hemoglobina, recebendo o laser, faz aumentar a temperatura do sangue que acaba por eliminar o vaso pelo calor.

Cirurgia – Indicada apenas para casos mais avançados. Ao contrário dos outros procedimentos, que podem ser realizados em clínicas, a cirurgia é feita apenas em um hospital. Antes de iniciá-la, o cirurgião deve marcar os vasinhos que serão retirados.

Continue lendo no Doutissima>>

Fonte: Doutissima

The post Como evitar varizes sem abrir mão do salto no dia a dia appeared first on Portal Anticelulite – tratamento para celulite.